.

terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

SONINHA PORTO



Ah, que estranha ironia, depois que descobri que sou nada,
virei poeta.

Soninha Porto

5 Comentários:

  • Querida Soninha,comungo com teu belo texto e até me emociono pois intuia algo assim em mim mas as palavras não vinham...
    Agora quando quero,penso ou leio.
    De imediato vem a tua assinatura.Agradeço.
    *
    Sandra maravilhosa,teu incentivo ao escritor é PRECioso... é uma prece!!
    Beijos

    Walnélia Pederneiras

    Por Blogger Walnélia, às 5 de fevereiro de 2008 07:20  

  • Soninha!
    Você é merecedora de toda homenagem que possamos fazer.

    É emocionante o trabalho da Sandra em nos divulgar!!

    Parabéns, menina!!
    Bj
    Vava Maia

    Por Blogger vava, às 5 de fevereiro de 2008 07:32  

  • Wal querida vc é uma linda poeta!
    Adoro! Tua energia é fantástica, te doro menina!

    Por Blogger SONINHA PORTO, às 5 de fevereiro de 2008 08:41  

  • Vava essa mulher é mais uma ativista que tá arregaçando as mangas e fazendo seu trabalho de divulgar poeisa, estou muito feliz por esta oportunidade, beijos a todos.

    Por Blogger SONINHA PORTO, às 5 de fevereiro de 2008 08:42  

  • Falar de voce amiga nem é preciso,basta olharmos um texto ou poesia sua,eles por si ja falam o ser maravilhoso que voce é...
    Parabéns amiga...voce merece...
    Beijos.
    Da sua eterna amiga
    Anjo da posia

    Por Blogger Marisa (anjo da poesia), às 5 de fevereiro de 2008 09:41  

Postar um comentário

<< Home