.

quarta-feira, 17 de outubro de 2007

Enise


Sou uma pisciana nascida no dia 8 de março em Bragança Paulista. Adotei a cidade de São Paulo para morar. E aqui fiz minha vida...
Trabalhei como professora de Educação Fisica em escolas públicas e particulares.
Sempre com a alma inquieta buscando extravasar os meus sonhos, desabafar, me alegrar através dos meus poemas ou poesias que ficavam perdidos em pedacinhos de papel por aí...
Depois de me afastar do trabalho profissional, filhos crescidos e as arvores já florindo, resolvi sentar e organizar meus papeizinhos esquecidos...
Se sou poeta não sei, se tenho estilo também não sei, só sei que escrevo...
Recentemente participei de um projeto – Antologia dos Poetas Virtuais – um livro onde 19 poetas do orkut uniram seus poemas e publicaram seus versos.
E ainda com a alma inquieta busco um equilíbrio para o eixo das minhas emoções, que, ao poetar creio que jamais vou encontrar e, quanto mais inquieta for minha alma, unida a outras almas inquietas, mais produziremos, mais escreveremos, mais buscaremos um caminho para o final do arco íris...
Enquanto isso, poetamos...



O silêncio que sufoca
As doces lembranças
É o mesmo que comprime o peito
Não tem jeito...

O silêncio acumulado neste mundo
Aflora aquele grito calado no fundo
Trazido na voz abafada, dolorido
Inesperado de dentro pra fora...

Este silêncio insistente
Ocupado pelo espaço dos ausentes
Empalidece uma alma desarmada
Sem os domínios na madrugada...

Silêncio pelas palavras não alinhavadas
Dentro de uma mudez escrava
Mergulhado numa ilusão que crava
Feito enxurrada sem aluvião...

E no silêncio mais profundo
Enfurecido pelas noites num segundo
As luas ensurdecidas tão somente
Beliscam minha vida... silenciosamente...

Enise

6 Comentários:

  • amiga de sempre...pra sempre...do peito...rsrs..que alegria ver vc aqui...

    beijus gigantes a todos...poetisa e colunista...

    abraços

    Por Blogger Poemas & Ventanias, às 17 de outubro de 2007 11:58  

  • Que alegria! Que felicidade! Ver a Enise aqui. Tem pouco tempo que a conheço.
    Mas foram momentos mágicos. Empatia desde o primeiro de seus poemas...
    'Movimento' e daí iniciamos uma parceria quando ela editou para mim em vídeo
    um poeminha meu o 'Nua e Crua'. Logo depois fiz a ela a provocação para a
    parceria que me tem dado enorme satisfação poética e existencial. Ela é uma
    dessas pessoas que entra na nossa vida para não mais sair e nos promovem
    o despertar da poesia em tudo que conversamos madrugadas a dentro.
    Confiram alguns de nossos trabalhos editados em vídeo com seus links:
    POSSIBILIDADES...
    http://www.youtube.com/watch?v=ct6UDfCh4uE
    Quando o amor chega...
    http://www.youtube.com/watch?v=ggENSva_Pvg
    INTIMIDADES
    http://br.youtube.com/watch?v=_3XoATrl5E0
    Que venham as flores...
    http://www.youtube.com/watch?v=WW6Z3ujlvUY
    CARIMBOS
    http://www.youtube.com/watch?v=M4lV2ax2mFU
    Contemplações
    http://www.youtube.com/watch?v=VgxYzsF6YR4
    Vôo ao universo
    http://www.youtube.com/watch?v=ABC52u7BRYk
    Revelação
    http://www.youtube.com/watch?v=rRo1h2eFUfU
    Entre os vazios...
    http://www.youtube.com/watch?v=3oaNJekz4TY

    Parabéns também à editora Sandra de Almeida pela
    escolha e destaque a essa maravilhosa pessoa que
    mudou minha vida para melhor depois que a conheci.
    Hildebrando

    Por Blogger APRENDIZ DE POETA, às 17 de outubro de 2007 12:26  

  • Enise é realmente uma grande poetisa! Tem talento e seus poemas são de uma sensibilidade ímpar, femininos, leves...quase diáfanos! Nem parecem ter sido escritos por mãos humanas! Dir-se-ia que foram escritos por fadas ou anjos!
    Abraços e parabéns!!

    Por Blogger Lenise, às 17 de outubro de 2007 17:19  

  • A Enise que conheci através de um poema Meia Loucura...e que me fez procurá-la na net...até encontrá-la, e a partir daí, ser uma das minhas melhores amigas...
    Beijo nessa grande poeta.

    Por Blogger Nelson, às 17 de outubro de 2007 17:54  

  • A Enise é muito próxima e mais que querida! Solidária, espirituosa, tem alegria de viver.

    Há muito, comecei a receber pelo correio cartões de natal maravilhosamente escritos por ela.
    Foi assim que percebi a facilidade com que seus rabiscos (como ela dizia) tomavam formas harmoniosas externando tanta sensibilidade!

    Mais tarde, em tempos mais modernos, foram chegando poemas via email... e a cada um, uma grande e feliz surpresa! Minha prima-amiga se tornara uma grande poeta!

    Pra mim é uma alegria imensa ver o talento da Enise sair do seu inseparável caderno e mostrar a cara para todo mundo ver!
    Mais que merecido!

    Um abraço cheio de carinho!

    Por Blogger norminha, às 18 de outubro de 2007 07:49  

  • Alguem poderia me dizer o nome completo da Enise.
    João Batista Lima Cezar
    Jornal do Comercio
    Bragança Paulista

    E-mail: jornalcomercio@bol.com.br

    Por Blogger Cezar SP, às 18 de dezembro de 2009 13:17  

Postar um comentário

<< Home