.

quarta-feira, 17 de outubro de 2007

Dora Dimolitsa


Nascida no Acre em Sena Madureira.Criada em colégio de freirasTrabalhou e se preparou Profissionalmente no 5º Batalhão de Engenharia e ConstruçãoEm Porto Velho Rondônia. ( Atuando na área de Saúde )Estando presente na construção da cidade de VilhenaVindo para São Paulo em 69Prestando concurso para o governo federal ( hoje aposentada.)Prestando serviço no Hospital Brigadeiro Em São PauloLaboratorista com vários cursos de especialização em HematologiaBioquímica, Hemoterapia, Citologia e Citoquimica. BacteriologiaTambém com Curso de Puericultura e Educação Sanitária.Participou de varias atividades nacionais de vacinas contra a poliomielite fui membro da Cipa.Com estagioEm Analise ClinicaNa Faculdade de filosofia Ciências e letras de São Paulo.Trabalhou também no Hospital Ipiranga no Período de epidemia de meningiteAtuando ativamente na elaboração de exames para definição da meningite.Com vários cursos de Poesia e e teatro na casa das rosas em São Paulo,e Henrique chaumann,Biblioteca Alceu Veloso. Escreve para blocos online,o Jornal São Jose, O jornal O Rebate, Corujasoline, Participa de vários blogs e sites com seus poemas.Com 7 antologias lançadas e um livro solo.


Segredo do amor


Minha visão do amor

Define-se na

Mão estendida

No sorriso aberto


Na mão que segura

Sendo a luz que brilha

Na noite dos dias

A bandeira do sonho


O sol que penetra na alma

Aquecendo os dias...

Envolvendo o coração

Doando sentimentos


Mostrando caminhos

Na ternura contida na Natureza

Fortalecendo

Nas lições da vida


Amor algo indefinido; porém sentido

Etéreo, brinda nossa vida de alegrias

E muitas indecisões, no entanto nos faz sonhar

Acreditar e até cantar


Faz o sol brilhar

E musas bailarem

Nossa vida fica cheia de ternura

Parece que vivemos


Sempre sonhando

E não queremos acordar

Tudo é motivo para aperfeiçoar

Emoções no verão


Não tem lugar para tristezas

Mesmo quando uma chuva bate de leve

Molhando os olhos

Na incerteza


É melhor acreditar

Que o jardim vai brotar

E flores sempre desabrochando no coração

Dispostos para um novo florescer

Isto é amar


É melhor acreditar

Que o jardim vai brotar

E flores sempre desabrochando no coração

Dispostos para um novo florescer

Isto é amar



Dora Dimolitsas

2 Comentários:

  • Este comentário foi removido pelo autor.

    Por Blogger Dora Dimolitsas, às 17 de outubro de 2007 11:42  

  • andra querida boa tarde
    consegui achar desculpe-me
    procurei somente na pagina de abertura.Obrigada amiga,
    nosso trabalho bastante gratificante
    nos permite vivencia com um mundo
    repleto de alegrias, tristezas, e sonhos variados. Parabéns por seu trabalho editorial que a transforma em caçadora da História.
    Abraços e Obrigado pelo carinho a mim dispensado.

    Por Blogger Dora Dimolitsas, às 17 de outubro de 2007 11:45  

Postar um comentário

<< Home