.

terça-feira, 15 de julho de 2008

CONDOR___CLAUDIA ALMEIDA


Que o amor plane

Dos Alpes aos Andes

Águias e santuários em pane

De lado na árvore seus cantos

Histórias de Davos

Ângulos na mente

No bruxo de Machu Picchu

Superar o futuro das fotos

Esperta manobra selvagem

Armadilhas de roteiros

No destino da aurora

Completar os olhos Luz, sombra, cor

É possível a viagem no ar?

Por mais que queiram

Pequenos pássaros

Cativeiros

Crescem e viram Condor.


Claudia Almeida

1 Comentários:

  • Muitos dos seus versos me "tomam" parceira notável,mas estes me tomam,tomam.tomam e tomam e tomam!!!!
    Beijos cariocas-niteroienses!!!

    Nina Araújo

    Por Blogger Nina, às 16 de julho de 2008 14:31  

Postar um comentário

<< Home